Ceciliano discute parcerias entre o Rio e Japão com embaixador

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

O presidente da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj), André Ceciliano (PT), e o Embaixador do Japão no Brasil, Teiji Hayashi, participaram de uma reunião nesta quinta-feira (12/05), a sede da Alerj. No encontro, eles falaram principalmente sobre projetos voltados ao Estado do Rio.

Japão e Brasil têm parcerias comerciais importantes, além de projetos em vigência que abordam questões de logística no estado. A Supervia, empresa responsável pelo transporte de trens no Rio, por exemplo, é controlada pelo grupo japonês Mitsui, que assumiu a sua administração em 2019.

A Alerj iniciou, este ano, um processo de investigação sobre os problemas de operação desse serviço, com a criação da CPI dos Trens. Durante a reunião, os representantes da embaixada do Japão informaram também acompanhar as dificuldades relacionadas ao funcionamento da Supervia.

“No Rio, temos pouco subsídio para transportes e a Supervia afirma contar com um déficit financeiro na administração das suas operações. Como resultado da CPI, é provável que seja necessário reestruturar o auxílio estadual”, comentou o presidente Ceciliano.

Prevenção de desastres naturais

O Japão também possui laços com o Rio na manutenção de estruturas de segurança e prevenção de desastres. “Há mais de dez anos começamos o desenvolvimento de estudos técnicos para prevenir deslizamentos. Já desenhamos dois modelos de contenção de barragem, com ferro e concreto, e estamos mapeando áreas de risco no Rio de Janeiro. Não queremos repetir tragédias como as que aconteceram na Região Serrana”, contou Hayashi.

Foto: Thiago Lontra / ALERJ
« de 2 »

Durante a tragédia de Petrópolis, em fevereiro deste ano, os especialistas do país asiático se uniram às autoridades brasileiras para expandir a cooperação no estudo dos impactos das mudanças climáticas. “O Japão e o Brasil têm questões semelhantes com deslizamentos, mas aqui também enfrentamos problemas sociais que dificultam as políticas de prevenção, como é o caso das moradias irregulares”, acrescentou o parlamentar.

Outro tema abordado na reunião foi a situação da pandemia de covid-19. Os representantes da embaixada do Japão acreditam que a contaminação pode ser um problema constante. Por isso, uma cooperação para uma possível prevenção anual da população está sendo estudada.

RECEBA NOSSOS INFORMATIVOS NO SEU EMAIL OU POR WHATSAPP

Mais notícias

Ceciliano defendeu o protagonismo das universidades para recuperação econômica do Rio As ações do presidente

A Comissão Especial de Acompanhamento do Programa Supera RJ, criada pela Assembleia Legislativa do Estado

Comissão Parlamentar de Inquérito, presidida pelo deputado Luiz Paulo, vai analisar o compromisso de pagamento

Estado pode ser o primeiro da federação a possuir um plano regional. Medida pretende atrair

 Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) aprovou nesta terça-feira (10/05), o Projeto

O presidente da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj), deputado André Ceciliano

Com o objetivo de restaurar ou requalificar prédios, equipamentos urbanos e outros atrativos turísticos, o