Fundadora do Magalu, Luiza Trajano é recebida na Alerj para discutir economia e turismo no RJ

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Foto: Julia Passos / Alerj

A empresária Luiza Trajano Inácio Rodrigues, fundadora do Magazine Luiza, foi recebida peloo presidente da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj), deputado André Ceciliano (PT), para uma conversa sobre o  impacto da pandemia no comércio varejista e investimentos para fomentar o turismo no estado do Rio. O encontro teve a participação da bancada feminina da Casa. Luiza foi homenageada com a entrega da Medalha Tiradentes – maior honraria concedida pelo Parlamento fluminense.

“O marketing das nossas potencialidades é essencial para a recuperação do turismo no estado e no Brasil. Países como os Emirados Árabes investem fortemente em divulgação, atraindo os olhos do mundo para eles. Temos o Museu do Amanhã, aqui no Rio, com muito mais conteúdo do que o Museu do Futuro de Dubai. E quase não ouvimos falar sobre ele”, observou a empresária.

Ceciliano disse que a Alerj está aberta para discutir medidas de incentivo ao do desenvolvimento do varejo no estado. “Recebi hoje no gabinete as deputadas da bancada feminina e Luiza. Simpaticíssima, inteligentíssima, com uma visão de Brasil e do mundo que poucas vezes eu vi. Para nós, da Assembleia, é sempre uma honra. Acreditamos no forte potencial da indústria do Rio de Janeiro e precisamos criar condições favoráveis para atrair empresas do setor varejista no estado, principalmente neste momento de pós-pandemia”, pontuou o parlamentar.

Medalha Tiradentes

A homenagem foi proposta pela deputada Enfermeira Rejane (PCdoB) e a cerimônia de entrega ocorreu no Plenário da Alerj. As deputadas estadual Martha Rocha (PDT) e federal Jandira Feghali (PCdoB) prestigiaram o evento.

“Muito obrigada a todos que me proporcionaram essa manhã memorável. Agradeço muito a essa Casa. Há 25 anos estamos no ranking das melhores empresas para se trabalhar no país, graças às políticas pensadas para a população. A minha paixão pelo Brasil é o meu propósito. Acho o nosso país o melhor do mundo, e fico feliz em contribuir com o seu crescimento. Eu não tenho medo de errar, mas tenho medo de não fazer”, disse a empresária.

 

Foto: Julia Passos / Alerj
Foto: Julia Passos / Alerj

O presidente da Federação do Comércio do Estado do Rio de Janeiro (Fecomércio-RJ), Antônio Florêncio destacou que Luiza é reconhecida mundialmente pela empresa que fundou, em 1957. “Ela acredita na força de trabalho. Esse prêmio é mais do que merecido”, disse.

Luiza Helena Trajano

Luiza Trajano é presidente do Conselho de Administração do Magazine Luiza. Foi responsável pelo salto de inovação e crescimento que colocou o grupo entre os maiores varejistas do Brasil, possuindo mais de 1.100 lojas em 18 estados, com mais de 47.000 colaboradores.

Ao longo dos últimos anos vem se destacando além do meio empresarial. Luiza Trajano foi uma das 40 criadoras do grupo Mulheres do Brasil, que, em quase dez anos, conta com mais de 22 comitês e 110 núcleos de trabalho (inclusive fora do Brasil), fomentando a adoção de políticas afirmativas como a inserção de refugiados no mercado de trabalho, a capacitação de empreendedoras e a projeção de mulheres candidatas a cargos políticos. Grupo que faz parte de iniciativas como a Rede Brasil do Pacto Global da ONU.

RECEBA NOSSOS INFORMATIVOS NO SEU EMAIL OU POR WHATSAPP

Mais notícias

André Ceciliano anunciou que vai se reunir com o Ministério Público e que estuda propor

Através da Lei 9.515/21, parlamento doou R$ 20 milhões pra restruturação do arquivo municipal e

Embora o Rio de Janeiro produza quase 70% do gás natural do país, Governo federal

A histórica Fazenda Campos Novos fica localizada em Cabo Frio, na Região dos Lagos. O

O deputado André Ceciliano (PT) cumpriu uma extensa agenda política nesta segunda-feira (16/5) nas cidades

Ceciliano defendeu o protagonismo das universidades para recuperação econômica do Rio As ações do presidente

A Comissão Especial de Acompanhamento do Programa Supera RJ, criada pela Assembleia Legislativa do Estado