PCCS DA SAÚDE COMEÇA A SER IMPLEMENTADO EM OUTUBRO

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Foto: Assessoria/Governo do Estado

O Plano de Cargos, Carreiras e Salários dos servidores da Secretaria de Saúde (SES) e do Instituto de Assistência dos Servidores do Estado do Rio (Iaserj) começará a ser implementado pelo Governo do Estado no dia 8 deste mês, quinto dia útil. É o que foi anunciado pelo governador Cláudio Castro, em evento realizado no Palácio Guanabara nesta quinta-feira (30/09) com parlamentares, secretários e servidores da área. O plano foi criado pela Lei 7.946/18, aprovada pelo Parlamento fluminense em abril de 2018.

“A implementação desse PCCS é uma luta que durou 30 anos. Em 2018, conseguimos aprová-lo na Alerj e é uma vitória que ele seja implementado porque os trabalhadores da saúde tornaram-se ainda mais essenciais com a pandemia do coronavírus. Não existe serviço público sem o servidor público, não existe Saúde sem os servidores da pasta”, comemorou o deputado André Ceciliano (PT).

Neste ano, duas leis aprovadas na Alerj auxiliaram a implementação do PCCS. A Lei 9.350/21 suprime um artigo da lei original do plano que condicionava o aumento da remuneração prevista no plano à aprovação do Conselho de Supervisão do Regime de Recuperação Fiscal (RRF). Já a Lei 9.299/21, de autoria original de Ceciliano, estabeleceu novos parâmetros para o aumento mensal de quatros anos estabelecido no plano para a readequação salarial dos funcionários.

“É um dia histórico e eu preciso agradecer o presidente da Alerj, deputado André Ceciliano, que talvez seja o grande padrinho desta iniciativa”, elogiou o governador Cláudio Castro. “Eu não tenho dúvida que Ceciliano é um conciliador. Ele não deixou de ser responsável com as contas públicas e soube defender o que o servidor precisava. O padrinho é aquele que faz a coisa certa, não adianta olhar só para um lado ou outro”, comentou o chefe do Executivo.

A medida foi comemorada pelos servidores. “Nós lutamos durante vários governos para fazer isso acontecer e a participação do Legislativo, o incansável apoio do Ceciliano, ajudou muito para que chegássemos a essa vitória. Não há vitória sem luta e hoje é um dia de muita felicidade para os servidores”, comentou Mariléa Ormond, presidente da Associação dos Funcionários do Instituto de Assistência dos Servidores do Estado do Rio (Iaserj)

RECEBA NOSSOS INFORMATIVOS NO SEU EMAIL OU POR WHATSAPP

Mais notícias

Através da Lei 9.515/21, parlamento doou R$ 20 milhões pra restruturação do arquivo municipal e

Embora o Rio de Janeiro produza quase 70% do gás natural do país, Governo federal

A histórica Fazenda Campos Novos fica localizada em Cabo Frio, na Região dos Lagos. O

O deputado André Ceciliano (PT) cumpriu uma extensa agenda política nesta segunda-feira (16/5) nas cidades

Ceciliano defendeu o protagonismo das universidades para recuperação econômica do Rio As ações do presidente

A Comissão Especial de Acompanhamento do Programa Supera RJ, criada pela Assembleia Legislativa do Estado

O presidente da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj), André Ceciliano (PT),