Plano de Cargos e Salários dos servidores da saúde será pauta na Alerj

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Em matéria publicada no Jornal Extra, no dia 27 de janeiro deste ano, “servidores vinculados à Secretaria estadual de Saúde aguardam uma definição quanto ao envio, por parte do Executivo, do projeto de lei que irá tratar do Plano de Carreiras, Cargos e Salários da categoria. De acordo com servidores que participam das negociações com o governo e a secretaria de Saúde, o PCCS já elaborado está sendo avaliado pela Procuradoria Geral do Estado”.

Em outubro de 2017, a Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) derrubou o veto do governo estadual sobre a revisão do Plano de Cargos, Carreiras e Salários da Saúde (PCCS), fazendo cumprir a lei Lei 6842/2014. Foi enviado um novo plano como emenda no projeto de lei, permitindo assim que houvesse adesão para a Recuperação Fiscal do Estado.

Haverá uma reunião com a presidência da Alerj, com o deputado estadual André Ceciliano e os servidores da categoria nas próximas semanas. A intenção é que a Casa Legislativa “oficialize o governo para que envie, o quanto antes, a proposta para avaliação da Alerj. O Executivo tem até o início de abril para enviar o projeto”.

Leia a matéria na integra clicando no link.

#AndréCeciliano
#DeputadoEstadual
#Trabalho #Alerj
#AndréNaImprensa

RECEBA NOSSOS INFORMATIVOS NO SEU EMAIL OU POR WHATSAPP

Mais notícias

O deputado André Ceciliano (PT) cumpriu uma extensa agenda política nesta segunda-feira (16/5) nas cidades

Ceciliano defendeu o protagonismo das universidades para recuperação econômica do Rio As ações do presidente

A Comissão Especial de Acompanhamento do Programa Supera RJ, criada pela Assembleia Legislativa do Estado

O presidente da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj), André Ceciliano (PT),

Comissão Parlamentar de Inquérito, presidida pelo deputado Luiz Paulo, vai analisar o compromisso de pagamento

Estado pode ser o primeiro da federação a possuir um plano regional. Medida pretende atrair

 Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) aprovou nesta terça-feira (10/05), o Projeto