Presidência da Alerj se esforça para colocar projetos em votação

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

A publicação do Jornal Extra, desta quarta-feira, dia vinte de dezembro, destaca empenho do presidente em exercício da Assembleia Legislativa do Estado do Rio (Alerj), André Ceciliano, para colocar projetos em votação na última semana de expediente da casa legislativa.

De acordo com a publicação “O acordo foi costurado para pôr em votação projetos de autoria de deputados dos mais variados”. Ao todo foram propostos mais de 100 projetos para serem votados antes do recesso. Entre eles a proposta de emenda constitucional 47/2017 (PEC 47/17) que estará mais uma vez sendo votada hoje em segunda discussão.

Outra pauta que estará em votação, é o projeto de lei 532/15 de coautoria do deputado, que determina que não será mais preciso a apresentação de documento oficial que comprove a condição no guichê de pagamento.

As votações dependerão de quórum para darem seguimento. Caso a Pec 47/17 seja aprovada, a mudança na Constituição do estado será publicada pela própria Assembleia, sem precisar da sanção do governador.

Acesse o Portal Dia a Dia do deputado estadual André Ceciliano:
andrececiliano.net

#AndréCeciliano
#DeputadoEstadual
#TrabalhoNaAlerj

RECEBA NOSSOS INFORMATIVOS NO SEU EMAIL OU POR WHATSAPP

Mais notícias

O deputado André Ceciliano (PT) cumpriu uma extensa agenda política nesta segunda-feira (16/5) nas cidades

Ceciliano defendeu o protagonismo das universidades para recuperação econômica do Rio As ações do presidente

A Comissão Especial de Acompanhamento do Programa Supera RJ, criada pela Assembleia Legislativa do Estado

O presidente da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj), André Ceciliano (PT),

Comissão Parlamentar de Inquérito, presidida pelo deputado Luiz Paulo, vai analisar o compromisso de pagamento

Estado pode ser o primeiro da federação a possuir um plano regional. Medida pretende atrair

 Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) aprovou nesta terça-feira (10/05), o Projeto