André é recebido por 1,5 mil pastores da Assembleia de Deus em Nova Iguaçu

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

O candidato ao Senado pelo Rio da Federação Brasil da Esperança (PT/PCdoB/PV), André Ceciliano, foi recebido na tarde deste domingo (28) em um encontro de líderes da Assembleia de Deus, em Nova Iguacu, presidida pelo pastor João Nunes. Diante de cerca de 1500 pessoas, entre pastores e obreiros, o líder evangélico pediu uma oração para André para que ele atravesse esse período em paz.

Ao falar às pessoas, André agradeceu a acolhida, disse que, embora católico, sempre abriu as portas da Alerj para escutar e ajudar no que for possível todas as denominações religiosas.

André também lembrou das leis que criou beneficiando as igrejas. “Sou o autor da lei que zerou o ICMS das contas de luz das igrejas, além das contas de água e telefone”
Em respeito à lei eleitoral, o pastor João Nunes nao pediu votos ou declarou apoio a André. Mas ressaltou que a igreja estava de portas abertas ao candidato petista, a quem chamou de irmão. “O André sempre abriu as portas da Alerj para nós ouvir e entender as nossas necessidades”

Somente a Assembleia de Deus de Nova Iguaçu tem 500 pastores, além de mil obreiros. A liderança de João Nunes, no entanto, se estende a igrejas de várias cidades da Baixada

RECEBA NOSSOS INFORMATIVOS NO SEU EMAIL OU POR WHATSAPP

Mais notícias

Presidenta do PT diz que papel do ex-secretário de Assuntos Federativos vai além da sua

Lei determina a instalação de composteiras orgânicas nas escolas e foi proposta através da plataforma

O presidente da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj), deputado André Ceciliano

Fotos: Antônio Pinheiro O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva arrastou uma multidão pelas ruas

O Circo Voador, na Lapa, ficou lotado na noite desta quinta-feira (06/10), em um ato

Em clima festivo, o candidato ao Senado pela Federação Brasil da Esperança (PT/PV/PCdoB), André Ceciliano,

Foto: Reprodução / Instagram O prefeito do Rio, Eduardo Paes (PSD), votou na manhã deste